sexta-feira, 29 de maio de 2020

Sem sexo, por favor: anticoncepcionais e pílulas acabaram.



Coronavirus, Namibia: "Meno sesso per favore, sono finiti contraccettivi e pillole"

Fonte: La Repubblica

Sem sexo, por favor: anticoncepcionais e pílulas acabaram. Este é o convite do Ministério de Higiene da Namíbia, dirigido em particular às mulheres, que formam a metade dos 2.700.000 cidadãos do país. "Os partos contraceptivos pararam com o coronavírus. Moral: é melhor que meninas e mulheres não façam sexo se você não quiser engravidar", disse Ben Nangombe ao jornal namibiano.

Mesmo antes do Covid 19, de acordo com dados fornecidos pela Unesco no ano passado, para meninas de 15 a 19 anos na Namíbia, a taxa de gravidez havia aumentado em 40%: segundo especialistas, ocorre na falta de normas tradicionais, falta de educação sexual e abuso.  Agora, há temores de que, com a epidemia, o risco de gravidez indesejada possa se tornar ainda maior.

O centro consultivo "Planned Parenthood" (Nappa), em uma série de reuniões, coloca as jovens de vigia. "Temos que educar as meninas para observar seus corpos e suas vidas. E também precisamos ter cuidado com o coronavírus", disse Louise Stephanus. "Até 2030, gostaríamos de ter um sistema de saúde acessível para meninas e mulheres jovens: o aborto nas costas de uma barraca ou a gravidez indesejada são coisas que não precisam mais acontecer".

Nenhum comentário: